Como é o mercado de Web Design no Brasil?

Desvende as funções de um web designer e descubra mais sobre o cenário brasileiro nessa área que só cresce

Você já parou para pensar o quanto é importante acessar um site e ele ser acessível, fácil de navegar e esteticamente atraente?

Na rotina diária, é comum que os usuários naveguem entre inúmeros websites ao mesmo tempo, indo de um para outro. No entanto, eles permanecem mais tempo apenas em alguns websites específicos.

E, por que isso? O que faz com que um website tenha mais acessos e permanência, além de seu conteúdo, são questões que estão relacionadas ao design, ou seja, uma página organizada, um layout agradável e fontes e imagens que combinem. Tudo isso faz muita diferença para o visitante.

A experiência do usuário é o que define se ele permanece ou não em um site. E um dos principais profissionais responsáveis pela criação de um site eficiente é o web designer.

O que é Web Design?

 Web Design é o trabalho que envolve o layout e design de sites para web. O profissional dessa área – o Web Designer – precisa estar sempre atento aos aspectos de experiência do usuário e desenvolvimento do site.

É o web designer que elabora as páginas que são acessadas nos sites. Para isso, os profissionais utilizam linguagens de marcação, como o HTML.

Com o avanço dos dispositivos tecnológicos, o web design também foi ampliado. Atualmente, o foco não é apenas em design de sites para navegadores de desktop, mas também para navegadores de celulares e tablets.

Já deu para perceber que acessibilidade e aparência são muito importantes para um site ou aplicativo móvel, não é mesmo?  

Além disso, no processo de criação de um web design há componentes padrões que precisam ser considerados pelo web designer, como:

  • Layout das páginas
  • Imagens
  • Paleta de cores
  • Hierarquia visual e de textos
  • Tipografia
  • Navegação acessível
  • Legibilidade

Quando esses componentes são bem desenvolvidos e aplicados, a probabilidade do site ter um bom desempenho é enorme. Inclusive, o design de um site impacta nos mecanismos de pesquisa, como o Google, sabia?

O que um Web Designer faz?

O web designer trabalha com aparência, layout e, em alguns casos, com o conteúdo do site. Em resumo, um dia de trabalho envolve execução de tarefas relacionadas à criação das páginas. Nesse sentido, ele tem sempre em foco a acessibilidade e estética.

O trabalho do web designer não se afasta da pesquisa em nenhum momento, já que é preciso reconhecer quais são os objetivos do cliente com o site, quem são os usuários que acessam e como é possível melhorar a experiência dos mesmos.

Como funciona o trabalho do web designer?

Primeiramente, um web designer precisa ser criativo e observador, porque cada etapa de seu trabalho necessita dessas soft skills.

Além disso, a seleção de fontes mais acessíveis para leitura, determinação das cores da página e implementação da identidade da marca envolvem um tempo considerável de busca por referências e planejamento.

O web designer também estrutura a navegação do website para que seja mais intuitiva para o usuário, assim como necessita estabelecer como será a distribuição dos textos, imagens, vídeos e outros elementos no website.

Como é o mercado de Web Design no Brasil?
O web designer planeja e cria o layout de páginas em websites. Arte: Mentorama

Também é necessário utilizar linguagens de codificação, como HTML e CSS, para garantir que a criação do layout e a estilização da página tenham um bom resultado.

Por fim, é preciso pensar nos outros dispositivos em que a página pode ser acessada. Afinal, o acesso a sites através do smartphone é muito comum e a visualização precisa estar otimizada para outros dispositivos.

Quer saber mais sobre o dia a dia da profissão?

Clique aqui e leia sobre a jornada de formandos do curso de web design da Mentorama.   

Qual o salário de um Web Designer?

Segundo a Glassdor, um web designer pode iniciar recebendo em média R$ 2.600 em uma posição júnior. Frequentemente, esses profissionais são recém-formados ou possuem certificações de cursos na área.

Em um cargo pleno, o profissional pode iniciar ganhando em média R$ 4.000. Nesse nível, o web designer tem entre dois a quatro anos de experiência, bem como um conhecimento mais aprofundado na área.

Web designers seniores ganham em média R$ 6.000, mas dependendo da região, empresa e habilidades do profissional o salário pode ultrapassar R$ 8.000.

Além disso, também é possível trabalhar como freelancer e receber por projeto. Dessa forma, a remuneração pode variar bastante.  Você pode atingir valores superiores aos mencionados dependendo da experiência, clientela e capacidade de entregas. 

Como é o mercado de web design no Brasil?

A necessidade de contratar web designer é uma realidade para empresas em todo o mundo, inclusive no Brasil. A expansão da internet e a imensidão de aplicativos existentes são as principais razões.

Segundo a Forbes há sete razões para as empresas investirem na criação de um website eficiente, são elas:

  • Credibilidade para a marca
  • Divulgação do negócio
  • Geração de leads
  • Tráfego orgânico
  • Atendimento ao cliente mais ágil
  • Disponibilização de anúncios e atualizações
  • Marketing digital

A contratação de profissionais qualificados é extremamente necessária para a construção de um web site, justamente por essas razões.

As empresas e organizações estão cada vez mais antenadas sobre isso. Como resultado, a busca por web designers se intensifica nesse contexto.

Futuro da profissão

O futuro também promete ser promissor para essa área. Segundo dados do Fórum Econômico Mundial, habilidades em design estão entre as 15 competências que são consideradas de alta demanda dentro das organizações.

O Censo Agência 2020, maior estudo brasileiro sobre agências de publicidade e marketing, apontou que os serviços que envolvem web como sites, apps e landing pages tiveram uma rentabilidade financeira muito boa, ocupando o terceiro lugar no ranking, com 31,8%.

De acordo com a pesquisa o serviços de produção e desenvolvimento digital de sites foi o terceiro que mais foi terceirizado pelas agências de publicidade e marketing, com 45,3%.

Dessa forma, os dados demonstram que a profissão de web design não requer, necessariamente, que você trabalhe em um local físico. Sendo assim, trabalhar como freelancer pode ser uma opção. Principalmente, se você prefere atuar por projetos específicos e ter mais liberdade.

Depois de toda essa conversa sobre web design, ficou com vontade de começar uma carreira nessa área?

Nós temos o conteúdo perfeito para te ajudar. No webinar Como começar uma carreira em web design em 2021 você vai descobrir os principais desafios para iniciar nesse campo. Além disso, você terá acesso a dicas exclusivas de profissionais que trabalham com isso.

Comece uma carreira como web designer

Se você pensa em impulsionar sua carreira em uma profissão em alta, web design é uma ótima escolha, como já deu para perceber.

Começar uma carreira pode ser difícil e confuso no início, mas nós podemos te ajudar.

No nosso curso Profissão Web Design, você terá acesso às ferramentas necessárias para desenvolver interfaces e aplicações na web do zero.

Você será capaz de construir websites com navegações acessíveis, intuitivas e com um layout claro e bonito. Já imaginou?

Ficou curioso? Entre em contato e descubra como podemos te auxiliar. 

Escrevemos sobre conceitos e notícias do mundo do design, programação, desenvolvimento de jogos, educação, desenvolvimento pessoal, carreira e negócios.
Inscreva-se em nosso blog

Não te mandaremos spam!
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments