Como se tornar Cientista de Dados?

Como se tornar Cientista de Dados?

Tem interesse em se tornar Cientista de Dados mas não sabe por onde começar? Confira neste artigo um guia completo dessa profissão!

Vivemos numa era em que todos os dias surgem novas tecnologias que dependem de profissionais que saibam lidar com grandes quantidades de dados. Mas afinal de contas, o que faz um Cientista de Dados? Quanto ganha? Como se tornar um? Continue lendo e descubra!

O que faz um Cientista de Dados?

Como se tornar um Cientista de Dados?

Considerada a profissão mais sexy do século 21 pela Harvard Business Review, o Cientista de Dados é responsável por reunir, interpretar e transformar uma grande quantidade de dados para que seja possível extrair um conjunto de informações relevantes.

A partir dos algoritmos de Machine Learning e Big Data, o Cientista de Dados consegue fazer com que os dados ganhem valor e se tornem inteligência de negócio, solucionando problemas e ampliando estratégias que as empresas possuem. 

Esses dados são necessários para criar buscadores, aplicativos de trânsito, compras, redes sociais, serviços financeiros, entretenimento, entre muitos outros serviços que são essenciais em nosso dia a dia. 

Onde atua um Cientista de Dados?

O Cientista de Dados trabalha em conjunto com os setores de tecnologia e negócios de empresas em geral. Esse serviço vem ganhando cada vez mais espaço nas grandes empresas e principalmente nas startups que entenderam o valor que há no conjunto de dados que podem recolher diariamente de seus clientes. 

Atualmente, o Cientista de Dados encontra boas oportunidades em empresas de tecnologia, bancos, corretoras de investimento, empresas de marketing, centros de pesquisa, empresas de seguro e empresas de segurança cibernética.  

Se você quer descobrir quais são as principais habilidades, demandas e como funciona essa profissão na prática, clique no vídeo abaixo e confira um webinar gratuito em que a Jéssika Ribeiro, Gerente de Ciência de Dados no Grupo Boticário, deu dicas exclusivas e indispensáveis para quem deseja ingressar nessa área!

O que um Cientista de Dados precisa saber?

O que um Cientista de Dados faz?

Atualmente, os especialistas dessa área precisam lidar diariamente com a missão de reunir, traduzir e transformar dados brutos para resolver problemas de negócios, prever e acompanhar tendências, além de estar em contato com stakeholders, gerência e outras áreas importantes dentro de uma empresa.

Abaixo, listamos os 5 principais conceitos que os profissionais da área de Ciência de Dados precisam saber no seu dia a dia. Confira!

Apesar de não ser necessário ser um especialista, é muito importante que você compreenda os principais conceitos de matemática e estatística já que elas serão as bases que fundamentam a coleta e análise de dados, bem como o desenvolvimento de algoritmos de Machine Learning.

A dica é se aprofundar em modelos estatísticos, regressão linear, álgebra linear, regressão múltipla e clustering que são alguns dos conceitos que você usará em seu dia a dia como Cientista de Dados.

  • Linguagens de programação

Compreender as linguagens de programação mais utilizadas entre os cientistas de dados (Python e R) permitirá que você as aplique em seu dia a dia, além de lhe tornar um profissional mais completo.

Também indicamos que você se aprofunde nos fundamentos de programação, principalmente voltadas para back-end, servidores, coleta e comunicação de dados que são conhecimentos indispensáveis para profissionais que queiram se destacar no mercado de trabalho.

  • Banco de dados

Existem diversos tipos de banco de dados, sendo o mais utilizado o MySQL, no qual você precisa conhecer a linguagem SQL para acessá-lo, coletar dados importantes e analisá-los. Além disso, você também precisa saber como converter dados brutos para que eles sejam compreendidos com mais facilidade.

  • Machine learning e Deep learning

Além de ser fundamental na Ciência de Dados, o Machine Learning, também conhecido como aprendizado de máquina, é essencial para criar algoritmos que coletam dados de maneira automatizada.

Já o Deep Learning, também conhecido como aprendizagem profunda, envolve o uso de dados para modelar abstrações mais complexas. Ou seja, além de precisar entender Machine e Deep Learning, é necessário saber como implementá-los em seu dia a dia.

  • Apresentação e visualização

Muito além de saber reunir, interpretar, minerar e limpar dados, também é importante que você saiba transformar dados em representações gráficas para que as pessoas ao seu redor possam analisá-los com facilidade.

A capacidade de desenvolver e entregar uma visualização de dados efetiva e simplificada tem sido um requisito cada vez mais procurado e valorizado pelas empresas, portanto, procure ferramentas que possam te auxiliar a transformar dados em gráficos e infográficos.  

Dica: Para os iniciantes, compreender esses conceitos pode parecer um desafio, mas uma das vantagens que essa profissão oferece é a flexibilidade, ou seja, não é necessariamente obrigatório dominar essas habilidades para começar a atuar na área. Com o “Cientista de Dados: do zero ao PRO” você aprenderá todos os conceitos teóricos necessários para começar a estagiar e colocar seus conhecimentos em prática.

Quanto ganha um Cientista de Dados?

Considerada a profissão do futuro, o Cientista de Dados é um dos profissionais mais requisitados e bem remunerados do mercado de trabalho justamente por ser útil em quase todas as áreas dentro de uma empresa. 

Atualmente, o salário mensal desse profissional está definido da seguinte forma:

  • Cientista de Dados Sênior: R$ 12.000,00
  • Cientista de Dados Pleno: R$ 8.500,00
  • Cientista de Dados Júnior: R$ 4.500,00 

Como se tornar um Cientista de Dados?

Agora que você conheceu um pouco mais sobre essa área que não para de crescer, aproveite a oportunidade e converse com um de nossos consultores de forma gratuita! Não deixe para amanhã a carreira de sucesso que você pode embarcar hoje mesmo. 

Com o Cientista de Dados: do zero ao PRO,  você terá todo o suporte necessário para se tornar um cientista de dados, e a única exigência é ter força de vontade. Com oito meses aprendendo Data Science na prática e dois cursos em um só programa, você será capaz de trabalhar com bibliotecas e bancos de dados, criar sistemas de recomendação e resolver problemas reais usando redes neurais.

Após a conclusão do curso, você estará apto para:

  • Dominar Python e trabalhar automaticamente com grandes sequências;
  • Aprender a representar dados na forma de painéis e infográficos interativos para que todos possam entender;
  • Trabalhar com as bibliotecas Pandas e NumPy, bem como dominar os bancos de dados PostgreSQL, SQLite 3 e MongoDB;
  • Organizar e realizar testes A/B;
  • Treinar redes neurais usando frameworks e aumentar significativamente a velocidade de trabalho;
  • Aprender a criar um sistema de recomendação e criar o seu próprio.

Além disso, caso você queira se especializar ainda mais, com o Profissão Cientista de Dados, você terá acesso a 4 cursos diferentes e 21 meses aprendendo na prática para se tornar um profissional completo e altamente capacitado!

Ao final do curso, você estará apto para se candidatar para vagas de Cientista de Dados e saberá como:

  • Descrever a diferença entre o gerente de produto, o proprietário do produto e o gerente do projeto;
  • Determinar as áreas de responsabilidades do gerente de produto da empresa;
  • Fazer um mapa de competências;
  • Saber fazer análise de dados. 

Nosso objetivo é transformar o seu desafio em solução! Entre em contato conosco e saiba como podemos te ajudar.

Escrevemos sobre conceitos e notícias do mundo do design, programação, desenvolvimento de jogos, educação, desenvolvimento pessoal, carreira e negócios.
Inscreva-se em nosso blog

Não te mandaremos spam!
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments